SQL CREATE TABLE




SQL > Manipulação de Tabelas > Create Table

As tabelas são a estrutura básica em que os dados são armazenados na base de dados. Dado que na maior parte dos casos não existe uma forma de o vendedor da base de dados saber antecipadamente quais são as suas necessidades em termos de armazenamento de dados, é provável que seja necessário criar tabelas na base de dados. Muitas ferramentas de bases de dados permitem-lhe criar tabelas sem programar em linguagem SQL, mas como as tabelas são o receptáculo de todos os dados, é importante incluir a sintaxe CREATE TABLE neste tutorial.

Antes de abordarmos a sintaxe SQL para CREATE TABLE, é boa ideia compreender a estrutura de uma tabela. As tabelas encontram-se divididas em linhas e colunas. Cada linha representa um dado individual e cada coluna pode ser vista como uma representação dessa peça de dados. Assim, por exemplo, se tivermos uma tabela para registar as informações dos clientes, as colunas podem incluir informações como Primeiro Nome, Apelido, Morada, Cidade, País, Data de Nascimento, etc. Como tal, ao especificarmos uma tabela, incluímos os cabeçalhos das colunas e os tipos de dados para essa coluna em particular.

Assim sendo, quais são os tipos de dados? Normalmente, os dados encontram-se disponíveis numa variedade de formas. Podem ser um número inteiro (tal como 1), um número real (tal como 0,55), uma cadeia (tal como 'sql'), uma expressão de data/hora (tal como '2000-JAN-25 03:22:22') ou até mesmo um formato binário. Ao especificarmos uma tabela, é necessário especificarmos o tipo de dados associados a cada coluna(ou seja, iremos especificar o 'Primeiro Nome' do tipo de char(50) - o que significa uma cadeia com 50 caracteres). Um aspecto a destacar é que diferentes bases de dados relacionais permitem diferentes tipos de dados, pelo que é aconselhável consultar primeiro um documento de referência relativo à base de dados específica.

A sintaxe SQL para CREATE TABLE é

CREATE TABLE "nome_tabela"
("coluna 1" "tipo_dados_para_coluna_1",
"coluna 2" "tipo_dados_para_coluna_2",
... );

Assim, se pretendermos criar uma tabela de clientes conforme acima especificado, introduziríamos

CREATE TABLE Customer
(First_Name char(50),
Last_Name char(50),
Address char(50),
City char(50),
Country char(25),
Birth_Date datetime);

Por vezes, pretendemos fornecer um valor padrão para cada coluna. É utilizado um valor padrão quando não especificar um valor para a coluna ao introduzir dados na tabela. Para especificar um valor padrão, adicione "Default [valor]" após a declaração do tipo de dados. No exemplo acima, que quiser que o padrão da coluna "Address" passe para "Unknown" e "City" para "Rio de Janeiro", escreveria

CREATE TABLE Customer
(First_Name char(50),
Last_Name char(50),
Address char(50) default 'Unknown',
City char(50) default 'Rio de Janeiro',
Country char(25),
Birth_Date datetime);

Também pode limitar o tipo de informações que uma tabela/coluna pode suportar. Esse passo é efetuado através da palavra-chave CONSTRAINT, abordada a seguir.

SQL CONSTRAINT >>



Copyright © 2014   1keydata.com   Todos os direitos reservados.


SQL CREATE TABLE
SQL CONSTRAINT
SQL NOT NULL
SQL DEFAULT
SQL UNIQUE
SQL CHECK
SQL Chave Primária
SQL Chave Externa
SQL CREATE VIEW
SQL CREATE INDEX
SQL ALTER TABLE
SQL DROP TABLE
SQL TRUNCATE TABLE
SQL INSERT INTO
SQL UPDATE
SQL DELETE FROM




Mapa do site